sábado, 19 de maio de 2012

Diretor do Museu do Índio recebe homenagem da UniRio

A Medalha de Honra ao Mérito 80 Anos da Escola de Museologia foi entregue em cerimônia realizada, nessa sexta-feira, 18/05, no Auditório Paulo Freire, da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. (foto: Márcio Ferreira)

Segundo José Carlos Levinho, a Medalha é o reconhecimento pelo esforço que toda a equipe do Museu do Índio dedica ao aprimoramento dos serviços da instituição em prol da valorização e divulgação das culturas indígenas brasileiras. Veja as fotos da cerimônia em http://www.flickr.com/photos/museudoindio2

NUCOM/MI
18/05/2012

Museu do Índio na Semana de Museus 2012


Neste final de semana, 19 e 20 de maio, às 16h, os visitantes do Museu do Índio terão a oportunidade de ouvir, de Xumayá Fulni-ô, as lendas e mitos que ele aprendeu, na infância, com os mais velhos de sua aldeia, em Águas Belas/ PE. Os Fulni-ô são os únicos do Nordeste que conseguiram manter viva a sua própria língua, o Ia-Tê ou Yatê do tronco Macro-Jê. Sua população é estimada em 2.930 pessoas. A língua e os rituais sagrados mantêm a nação unida, com fortes vínculos culturais e tradições que são repassadas para as novas gerações.


Exposição
O público pode aproveitar para conhecer a exposição “A Presença do Invisível: vida cotidiana e ritual entre os povos do Oiapoque”. A mostra, que ocupa o casarão central do MI, apresenta a cultura dos Karipuna, dos Palikur, dos Galibi Marworno e dos Galibi Kaliña, povos que habitam diferentes terras indígenas na região fronteiriça do Brasil com a Guiana Francesa, no estado do Amapá. Juntos, eles totalizam cerca de 5.000 pessoas.

A programação marca a participação do Museu do Índio na 10ª Semana de Museus, promovida pelo IBRAM, com atividades inspiradas no tema "Museus em um mundo em transformação: novos desafios, novas inspirações" que coloca em discussão as transformações sociais como pontes entre a memória e o esquecimento.

O MI na Semana de Museus: 19 e 20 de maio com entrada gratuita 
- Contação de histórias com Xumayá Fulni-ô
Sessões às 16h.
- Exposição “A Presença do Invisível: vida cotidiana e ritual entre os povos do Oiapoque”
Visitação: das 13h às 17:00h.
Rua das Palmeiras 55 - Botafogo - Rio de Janeiro/RJ

Xumayá Fulni-ô
NUCOM/MI
18/05/2012

Arquivo do blog

Pesquisar este blog

Você já esteve no Museu do Índio?